skip to Main Content
Tel: (11) 3111-2040

Caso clínico: alopecia de apresentação indefinida

Caso clínico: alopecia de apresentação indefinida

A alopecia androgenética (AA) padrão feminino e de origem hereditário. Caracterizada por diminuição global do número de fios e a redução difusa progressiva da densidade do fio no vértice, com completa ou quase completa preservação da linha de implante frontal, de extensão variável. Com fios curtos e adelgaçados. Definir o tipo de alopecia de uma paciente com alopecia cicatricial frontal fibrosante aparentemente. Mas durante o exame físico apresentou descoberta não compatível com esta patologia mais com alopecia androgenética de padrão feminino. Realizou-se pesquisa bibliográfica de artigos publicados na Pubmed, Medline, Scielo e Google Acadêmico em diferentes idiomas (Inglês, espanhol e português), utilizados como referências na revisão. A biopsia mostra epiderme conservada. Na derme, há discreto infiltrado linfocitário focal superficial folicular. Apenas três folículos pilosos visualizados. Não apresenta alterações compatíveis com fibroses de padrão cicatrizante na amostra. Confirmando o diagnóstico de alopecia de padrão não cicatricial. A prevalência da AA padrão feminino aumenta com a idade. Apresenta uma diminuição do grosou folicular, miniaturização na zona central do couro cabeludo, o fio tem cor mais claro e curto. E característica de perda difusa dos fios na região parietal ou frontal, respeitando a linha de implantação frontal.

 

Artigo completo:

https://bwsjournal.emnuvens.com.br/bwsj/article/view/17

 

APS – Associação Pele Saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top